Há uma dieta que promete eliminar até 8 kg em 30 dias sem perder músculo


Muitas pessoas que têm como ideal de beleza um corpo tonificado
É possível perder peso sem deixar de perder músculos? Muitas pessoas que têm como ideal de beleza um corpo tonificado passam longe de algumas dietas que, além de queimar gordura, acabam levando a perda de massa magra.

Mas respondendo a pergunta, dá para perder peso sem perder músculos sim, ao menos é o que indica a dieta cetônica.

Cetôni...quê?

A palavra cetogênica vem de cetose, um processo onde o organismo transforma as gorduras ingeridas em ácidos graxos e corpos cetônicos que, em seguida, se transformam em fonte de energia para as atividades do dia a dia. Partindo dessa definição, os adeptos dessa dieta costumam consumir grande quantidade de gordura, porções moderadas de proteínas e mínimas de carboidratos.

Curtiu? Siga nos no Facebook e no Twitter.

+ gorduras


Conforme Lorena Lima, endocrinologista do Amato Instituto de Medicina Avançada, em geral a dieta é composta por cerca de 75% de fontes de gorduras consideradas boas, como óleo de coco, abacate e oleaginosas, 15 a 20% de proteína e 5 a 10% de carboidratos, priorizando aqueles de baixo índice glicêmico.

A perda rápida de peso acontece porque além das gorduras consumidas, a reserva de gordura que temos no nosso organismo também é queimada para a produção de energia. Ou seja, a queima de gordura é maior do que a gordura consumida o que leva a perda de peso. O metabolismo tem papel importante nesse processo, pois ele regula o emagrecimento. Segundo Patrícia Davidson, nutricionista funcional, a perda equivale a uma média de 5 a 8 kg em um mês.

Efeitos da dieta


Patrícia Davidson comenta que o emagrecimento varia de acordo com o metabolismo da pessoa, mas a média é de 5 a 8 kg em menos em um mês. Quando a dieta é aliada à prática de exercícios físicos, a queima de gordura acontece de forma mais rápida.

Embora a prática de exercício físicos intensifique a queima de gordura e seja necessária para que o alto teor de gordura consumido não se acumule no corpo, a nutróloga Andrea Pereira alerta que a restrição de carboidrato pode fazer com que algumas pessoas sintam menos disposição para treinar e não consigam fazer exercícios de alta intensidade.

Contraindicações

Fotos: Reprodução

Ainda que tenha como um dos seus principais benefícios a perda de peso com rapidez, a dieta oferece riscos para alguns grupos de pessoas, de acordo com endocrinologista Lorena Lima. A dieta não é indicada para pessoas com problemas de saúde crônicos como diabetes, hipertensão arterial e problemas renais, nem para gestantes, idosos e crianças.

Além disso, o consumo diário de proteína pode levar a uma sobrecarga renal. Pessoas com dislipidemia (presença de níveis elevados de lipídios) também não devem buscar a dieta, já que ela é rica em gorduras.

A nutróloga ressalta a importância de consultar um médico antes de começar essa dieta, pois entre as desvantagens, as restrições podem gerar crises de hipoglicemia, perda de massa muscular e aumento de triglicérides séricos.

Vix.com

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.